Pesquisar neste blogue

A carregar...

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Opinião "O Chefe - Noiva"

Adoro quando me engano e descubro que o que pensava acabar aqui afinal tem continuação. Mil perdões a que enganei ao dizer que isto era uma trilogia. ISTO NÃO ACABA AQUI e que boa noticia para os meus ouvidos.
Depois dos primeiros dois volumes da SERIE O Chefe, "Deslumbrada" e "Namorada", este terceiro livro chega até nós para nos fazer cair de joelhos e ficar de boca aberta perante os eventos que vivemos ao longo de 388 paginas ou 423 se contarmos com aquele extra (oh mãe do céu! )


Pós recuperação de Neil, este casal volta até nós a toda a velocidade.
Entre mudanças, viagens, reuniões familiares em dois continentes diferentes, novidades bombásticas, catfights com Ex's que não conhecem o seu lugar e momentos BEM picantes, Neil e Sophie passam por uma série de eventos que fortalecem mas que colocam uma vez mais à prova o seu relacionamento que algumas pessoas continuam a não ver com bons olhos. Os dois estão mais unidos que nunca e quando a ex assistente passa de namorada a noiva, quanto mais veneno ainda se consegue infiltrar na relação louca e viciante que estes dois criaram?

"Fazes ideia de como é intimidante saber que o meu namorado consegue tudo o que quer?
...
Fazes ideia de como é aterrador para mim saber que és a única coisa no mundo que eu quero realmente?"

A intensidade de personagem masculino, a ligação estupenda que se cria entre este casal e a liberdade sexual que os envolve são, desde o primeiro volume, os pontos que me atraem a esta série.

Como pensava que a história acabava aqui (obrigada à seguidora que me chamou a atenção) estava preparada para um fim previsível do vivemos felizes e excitados para sempre mas até nisso a história destes dois me surpreende, visto que desenvolve pelo menos mais duas histórias em simultâneo de dois casais de quem aprendemos a gostar tanto como gostamos de Sophie e Niel.
Tenho de mudar o discurso mas mal posso esperar para ver o que se passada de seguida.

E santa mãe de deus, aquelas últimas 30 páginas apanharam-me desprevenida. Presente de natal em agosto? Bora lá. Que venha "A Ex" (não gosto nada deste título!). O que devemos esperar deste 4°livro?

Já tenho saudades do Neil, o Million Dollar Man

Sem comentários :