Pesquisar neste blogue

A carregar...

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Quando os livros se tornam filmes :: "Viver depois de ti"


"Viver depois de ti" é, sem sombra de dúvida, um dos meus livros preferidos de todos os tempos.
Lido e chorado em 2013, relido e "sorrido" neste último fim de semana.
Curioso em como já não me lembrava de muita coisa mas adorei rever Lou e Will. Obviamente que blindei o meu coração e partir para esta nova leitura ciente do que me esperava e o mesmo aconteceu com o filme.
Rejubilei com a notícia da sua adaptação, concordei com a escolha de Emília Clarke e San Claflin para os principiai papéis e deliciei-me com as primeiras imagens e trailers.
Talvez por ter relido o livro não consegui dizer que amei o filme, apenas que o adorei. Se não estivesse tão ciente de todos os detalhes deliciosos e emocionantes que compõem o romance de Jojo Moyes poderia ter apreciado de modo genuíno e em primeira mão a metamorfose de Lou e a temporária libertação de Will. E no fim...no fim teria chorado tanto ou ainda mais do que chorei quando li o livro pela primeira vez.

Não leitores, vão ver o filme, apreciem a beleza simplista e resumida do filme mas fiquem a saber que nada, nunca vai substituir o sentimento magnífico de conhecer certas histórias através de um livro, principalmente esta.

Boas leituras :)
Boas idas ao cinema.
Ah e boas férias :D


5 comentários :

Benedita Santos disse...

Este é um dos livros que mais adorei ler! Top 5 �� Ontem vi o filme e revivi tudo com o coração nas mãos.Lindo! Magnífico! A escolha dos atores não podia ter sido melhor...

Benedita Santos disse...

Este é um dos livros que mais adorei ler! Top 5 �� Ontem vi o filme e revivi tudo com o coração nas mãos.Lindo! Magnífico! A escolha dos atores não podia ter sido melhor...

Marilina Simões Fernandes disse...

Olá,
Eu tenho a mesma opinião, talvez se não o tivesse lido há pouco tempo acharia magnífico o filme, porém existem outras histórias paralelas e personagens que nem se quer foram abordadas no filme e as acho importantes na história da Lou e Will. Penso que só o livro nos faz entender a verdadeira transformação da Lou que o Will proporcionou.
Ainda acrescento que o fim do livro para mim foi muito melhor do que aquele que está no filme. Para quem não leu e se está a perguntar se é diferente, no fundo a resposta é não, porém a frase que a Lou disse ao garçon, para mim foi magnífica e não foi reproduzida no filme. Pois é Curiosos? Então toca a ler!
Tenho visto alguns filmes depois de ler o filme e para mim esta adaptação foi tão simples, o livro é um manancial!
;)

isa disse...

li o livro quando ele saiu e dei-lhe 3 de 5 estrelas! achei que 400 páginas eram demasiadas e a história não desenvolvia! não me emocionei com o final, achei que ele tinha razão, a vida era dele e ele fez a sua escolha.
vi o filme há uma semana.. wow.. mais de 5 estrelas :D chorei baba e ranho, passei a semana toda a rever cenas no youtube e a ouvir a banda sonora. passou sem dúvida para o topo dos meus filmes preferidos :)
mas senti que o filme estava mais soft, que explorava mais as partes boas e que quando li o livro explorava mais as partes menos boas.
ainda bem que li primeiro, senti que completou um capítulo :)
ADOREI <3

Philipa Amaral disse...

E eu a ler e a chorar na nossa praia da zambu. heheh
vou deixar para ver o filme quando as hormonas estabilizarem. ;)